#Gui@DoEsporteDeVolta

esportes-gremio-nautico-uniao-conceito

Quem acompanha o Gui@ do Esporte sabe da responsabilidade e da periodicidade das informações. Distante do público internauta nas últimas semanas, a página que tem marca registrada no jornalismo esportivo está de volta, e sem abrir mão do profissionalismo, segue com a postura de sempre.

 Afastado da periodicidade por questões técnicas e humanas, o veículo que se destaca pela imparcialidade, velocidade das informações e fatos exclusivos, retorna com ‘sede’ de querer mais, e noticiar a contento tudo que acontece no esporte sergipano e com os esportistas sergipanos.

‘Apertem-se os cintos’ e viagem nesta nave de alegria e contentamento, de emoção e abraçamento. Do Caburaí ao Chuí, do extremo oeste ao centro oeste. Do litoral ao sertão. Na grande extensão sergipana e além-fronteiras, estamos juntos, tão juntos que observamos tão perto. E por te vê tão perto, é que ficamos privilegiados, arrepiados, e anuncia nos quatro quantos: Voltamos!!!

#Gui@DoEsporteDeVolta

Categorias:Sem categoria

4º Campeonato de Futsal de Propriá.

13445627_906249546147596_6713567552471526791_n (1)

Gui@ do Esporte

Raimundo Morais.

No reencontro Real e Propriá, final tem emoção, muitos gols e grito de ‘é campeão’ do Avoengo.

Sexta-feira, 10 de junho de 2016, a final do melhor Campeonato de Futsal de Propriá. Na sua quarta edição, o certame propriaense colocou em quadra o Real Matadouro e o Esporte Clube Propriá, além dos acréscimos: emoção, muitos gols, eletricidade e vibração mútua. Em uma decisão digna de final, o Avoengo levou a melhor e conquistou o caneco da edição 2016.

13435381_1784187608466952_2363996799767024294_n

Parece até repentino, no entanto é um fato. Sexta-feira, 10 de junho de 2016, mais uma página da história do futsal propriaense. Coroando a melhor edição do certame de futsal da cidade de Propriá, Real Matadouro e o Esporte Clube se reencontraram e anotaram um escore de 6 tentos a 3. Com campanha invicta, o Avoengo se deu bem novamente, e sagrou-se campeão 2016.

Em uma partida cheia de particularidades, as duas equipes iniciaram a decisão se estudando. No entanto, a tranquilidade e a pontaria do Avoengo ajudou a equipe inaugurar o marcador e ampliar. Do apito inicial ao apito final, emoções não ficaram de fora da decisão, e a distância do placar nem sempre persistia – o Propriá tranquilizava seu torcedor, mas o Real seguia a cola. Com mais qualidade no passe, o Avoengo garantiu o grito de ‘é campeão’ com o escore de 6 a 3. Miguel (2), Henrique, Léo (2) e Ediclan assinalaram os tentos.

13450112_1784187275133652_8981843504673044769_n

Com o fim do certame, as premiações ganharam espaço no Ginásio da Associação Atlética Banco do Brasil. A festa aparte começou com a premiação do melhor goleiro da competição: Wilames do Real Matadouro. Em seguida a distribuição de medalhas ao segundo colocado junto ao troféu de vice. Por fim, medalhas e troféu do campeão (e a festa do Avoengo nas ruas).

Com partidas realizadas nas noites das quartas-feiras, quintas-feiras e sextas-feiras, no Ginásio da Associação Atlética Banco do Brasil, a competição propriaense teve nesta quarta edição 16 agremiações: Cyclone, Vila Nova, Boa Esperança, Os Cobras, Esporte Clube Propriá, Real Matadouro, Atletas de Cristo, Os Galinhus, Cruzeiro, AABB, CRB, Luckmann’s, Fluminense, Estrela Maior, Fortaleza e Oximania Futebol Clube.

13445778_1784187685133611_8666176336687889920_n

A decisão final do certame como foi em todo o 4º Campeonato de Futsal de Propriá que reuniu desde sempre, craques, competitividade, emoção, adeptos do esporte, eletricidade e apaixonados pelo mundo da bola, teve cobertura ampla, dinâmica e imparcial da página que tem marca registrada no jornalismo esportivo, Gui@ do Esporte, o portal oficial do desporto amador e profissional, do interior e da capital de todos os sergipanos.

Fez parte da festa 

Antes da bola rolara para Real Matadouro e Esporte Clube Propriá, como na abertura, ouve a execução do hino nacional e hasteamento das bandeiras do Brasil, Sergipe e Propriá. O som ficou por conta da banda filarmônica da ribeirinha. Além de aliados, o prefeito José Américo prestigiou o espetáculo ao lado de uma grande torcida, que foi o brilho da noite mais uma vez.

Categorias:Sem categoria

4º Campeonato de Futsal de Propriá.

Gui@ do Esporte

Raimundo Morais.

Na reta final do certame propriaense, a quarta-feira foi de decisão, WO e tristeza.

A quarta-feira, 8, foi o dia escolhido pela organização do 4º Campeonato de Futsal de Propriá para a decisão do terceiro colorado da principal competição esportiva da Ribeirinha. E o que se esperava era uma noite de muitas emoções, no entanto a morte do senhor Gidevaldo – propriaense de ligação familiar com o técnico e um atleta da equipe do Cyclone – possibilitou o Galinhus conquistar o pódio por W0. Para tanto, a noite serviu  de escolha da musa do certame.

13321646_1781487175403662_2062494343705774894_n

O Campeonato de Futsal de Propriá já tem um novo terceiro colocado: Galinhus. Sem adentrar em quadra, a agremiação que amargou a derrota para o Esporte Clube Propriá, conquistou o feito por W0 diante o Clyclone. O time que perdeu para o Real Matadouro desistiu de disputar o terceiro lugar depois da morte do senhor Gidevaldo – propriaense de ligação familiar com o técnico e um atleta da equipe. Assim, a noite foi de decisão na escolha da musa: Giselia Melo (Vila Nova) foi a escolhida.

Em largas passadas na passarela (quadra), a vencedora foi a que mais conquistou o corpo de jurado. Com muita emoção, as musas não desistiram até a decisão final do voto a voto. Agora, a competição espera a noite da sexta-feira, 10, quando em quadra entra em quadra o Esporte Clube Propriá e Real Matadouro, na grande decisão do 4º Campeonato de Futsal de Propriá. Com expectativa de casa cheia, a organização apenas colocará a capacidade no Ginássio da AABB/local.

13413050_1783258135226566_8147950102535002204_n

Com partidas realizadas nas noites das quartas-feiras, quintas-feiras e sextas-feiras, no Ginásio da Associação Atlética Banco do Brasil, a competição propriaense teve nesta quarta edição 16 agremiações na fase inaugural: Cyclone, Vila Nova, Boa Esperança, Os Cobras, Esporte Clube Propriá, Real Matadouro, Atletas de Cristo, Os Galinhus, Cruzeiro, AABB, CRB, Luckmann’s, Fluminense, Estrela Maior, Fortaleza e Oximania Futebol Clube.

A decisão final do certame como têm sido em todo o 4º Campeonato de Futsal de Propriá que reúne desde sempre, craques, competitividade, emoção, adeptos do esporte, eletricidade e apaixonados pelo mundo da bola, segue com cobertura ampla, dinâmica e imparcial da página que tem marca registrada no jornalismo esportivo, Gui@ do Esporte, o portal oficial do desporto amador e profissional, do interior e da capital de todos os sergipanos.

Categorias:Sem categoria

4º Campeonato de Futsal de Propriá.

Gui@ do Esporte

Raimundo Morais.

Com direito a gols, expulsões e emoções, semifinais decidem finalistas: Real Matadouro e Propriá.

Segunda-feira, 6 de junho de 2016, uma página da história do esporte propriaense. Em uma noite de encantos e estrelas, o Ginásio da Associação Atlética Banco do Brasil ficou pequeno para tanta emoção e apaixonados pelo mundo da bola. Nas semifinais do badalado 4º Campeonato de Futsal de Propriá, Real Matadouro e Esporte Clube Propriá superaram as provocações e cravaram passaporte a decisão final do certame ribeirinho.

13335666_1782602041958842_1467023667977461449_n

A cada dia avança o tempo para o término do 4º Campeonato de Futsal de Propriá. Na noite desta segunda-feira, 6, as semifinais foram disputadas com direito a muitos gols, expulsões e emoções. Sem gastos absurdos e qualidade em todos os setores, o Real Matadouro superou o atual campeão (Clycone). Com melhor campanha do páreo, o favoritismo do Esporte Clube Propriá fez a diferença com suas qualidades múltiplas, atropelando o Galinhus.

As decisões com clima de rivalidade, se deu com requintes de crueldade. No duelo envolvendo o Real Matadouro e o atual campeão (Clyclone), foi à força jovial que se deu bem. Em poucos minutos o escore já era de 2 tentos a 0 favorável aos garotos do Matadouro. Entretanto, o ‘Furacão’ chegou a empatar, e no apagar das luzes a agremiação que pouco gastou nas contratações cravou o passe à final. Marcaram os gols vitoriosos Emerson (2), Lucas e Neto.

Para o encerramento da noite de brilhos, entrava em quadra novamente o Esporte Clube Propriá frente o Galinhus. E no placar não teve alteração: 4 tentos a 1 para o Avoengo. Em um duelo bem disputado e cheio de polêmicas da arbitragem – penalidade não foi marcada e foi cobrada – o técnico Jorge Júnior foi expulso, bem como Roberto e Roger (todos do Avoengo). Marcaram os tentos vitoriosos Henrique (2), Leo e Armandinho.

13343146_1782601138625599_1067614086150807276_n

Com os resultados da noite de ritmo acelerado e peculiaridades, o Clyclone e Galinhus decidem a teceira colocação na quarta-feira vindoura, enquanto, os vencedores Real Matadouro e Esporte Clube Propriá decidem o título na sexta-feira subsequente. Os jogos marcados para as 20h15 acontecem na quadra do Ginásio da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB).

Com partidas realizadas nas noites das quartas-feiras, quintas-feiras e sextas-feiras, no Ginásio da Associação Atlética Banco do Brasil, a competição propriaense teve nesta quarta edição 16 agremiações na fase inaugural: Cyclone, Vila Nova, Boa Esperança, Os Cobras, Esporte Clube Propriá, Real Matadouro, Atletas de Cristo, Os Galinhos, Cruzeiro, AABB, CRB, Luckmann’s, Fluminense, Estrela Maior, Fortaleza e Oximania Futebol Clube.

As decisões finais do certame como têm sido em todo o 4º Campeonato de Futsal de Propriá que reúne desde sempre, craques, competitividade, emoção, adeptos do esporte, eletricidade e apaixonados pelo mundo da bola, segue com cobertura ampla, dinâmica e imparcial da página que tem marca registrada no jornalismo esportivo, Gui@ do Esporte, o portal oficial do desporto amador e profissional, do interior e da capital de todos os sergipanos.

Categorias:Sem categoria

4º Campeonato de Futsal de Propriá.

Gui@ do Esporte

Raimundo Morais.

Quartas de final chegam ao fim com Galinhus e Clyclone classificados a terceira fase do certame propriaense.

Encerrou nesta sexta-feira, 3 de junho de 2016, as quartas de final do 4º Campeonato de Futsal de Propriá. Dando seqüência às grandes emoções da segunda fase da disputa, a sexta-feira se deu com placares médios, público apaixonado e jogadas magistrais. Em boa fase, o Clycone venceu. Confirmando favoritismo, o atual campeão (Clyclone) avançou.

13327364_1781493668736346_5197658673075094355_n

A cada dia a emoção parece crescer no 4º Campeonato de Futsal de Propriá. Na sexta-feira passada, chegaram ao fim às partidas das quartas de final da disputa propriaense. No ritmo acelerado que tem sido o certame ribeirinho, o Galinhus passou pelo guerreiro e qualificado CRB. Clyclone o ‘campeão 2015’ avançou diante o esforçado Boa Esperança.

Em mais duas partidas de características parecidas, os torcedores acompanharam inicialmente o duelo entre duas equipes que fizeram boas campanhas na fase inaugural. Sem medo, sem segredo e com pontaria o Galinhus marcou sete vezes sofrendo cinco tentos do CRB. Por fim, com um pouco mais de tranqüilidade, a lógica se fez valer em quadra. O Clyclone superou por 4 a 1 o aguerrido Boa Esperança.

Com os resultados da noite de cadência e particularidades, o CRB e Boa Esperança se despediram do páreo, enquanto, os vencedores Galinhus e Clycone seguem com sonho vivo pela conquista. Os resultados também definiram as semifinais do páreo ribeirinho, e nesta segunda-feira, 6, entra em quadra Esporte Clube Propriá versus Galinhus e Clycone versus Real Matadouro.

13321646_1781487175403662_2062494343705774894_n

Com partidas realizadas nas noites das quartas-feiras, quintas-feiras e sextas-feiras, no Ginásio da Associação Atlética Banco do Brasil, a competição propriaense teve nesta quarta edição 16 agremiações na fase inaugural: Cyclone, Vila Nova, Boa Esperança, Os Cobras, Esporte Clube Propriá, Real Matadouro, Atletas de Cristo, Os Galinhos, Cruzeiro, AABB, CRB, Luckmann’s, Fluminense, Estrela Maior, Fortaleza e Oximania Futebol Clube.

As quartas de final do certame como têm sido em todo o 4º Campeonato de Futsal de Propriá que reúne desde sempre, craques, competitividade, emoção, adeptos do esporte, eletricidade e apaixonados pelo mundo da bola, segue com cobertura ampla, dinâmica e imparcial da página que tem marca registrada no jornalismo esportivo, Gui@ do Esporte, o portal oficial do desporto amador e profissional, do interior e da capital de todos os sergipanos.

Destaques

Muitos têm sido os pontos positivos da competição propriaense, das novidades ao número de participantes. Sobretudo, o grau de competitividade que vem sendo apresentado. Além do alto nível destaques individuais tem sobressaído. O público é o charme a parte. Cheio de eletricidade, vibração e emoção os torcedores tem contagiado positivamente as partidas.

Categorias:Sem categoria

SERGIPE 2016.

Gui@ do Esporte

Raimundo Morais.

Em jogo-treino no estádio João Hora de Oliveira, Mais Querido vence Seleção de São Francisco.

A quarta-feira, 1º de junho, foi de muitas apostas e pontaria no estádio João Hora de Oliveira. Visando a estreia no Campeonato Brasileiro da Série D, o campeão sergipano (Sergipe) realizou o seu primeiro jogo-treino depois da conquista do certame estadual diante o Itabaiana. Com muitos testes e ousadias, o técnico Luciano Dias viu o Mais Querido cravar uma goleada.

a17bd3d7-9567-4c72-9b07-0e7572a7aa28

É no dia 12 de junho a estreia do Club Sportivo Sergipe na Série D do Campeonato Brasileiro 2016. Diante o Fluminense de Feira (BA), no estádio Lourival Baptista, a agremiação colorada se lança rumo à ascensão no cenário nacional. Com pouco mais de oito dias de treinamentos no estádio João Hora, o time realizou e venceu por 4 a 1 um jogo-treino nesta quarta-feira, 1º, diante a Seleção de São Francisco.

A partida que começou acirrada e com sede de gol dos colorados, de imediato Diego Neves abriu o marcador. Sem demora e sem piedade, o Mais Querido marcou o segundo, e com o camisa 9 novamente. Rafael Vila e o zagueiro Andre deixaram também as suas marcas. Em dois tempos de 45, o time amador ainda diminuiu. O gol foi marcado com Wesley no apagar das luzes.

64c923fa-f06b-4eb0-9852-48bc7b5d3abe

O comandante técnico Luciano Dias que durante toda a partida testou atletas e formações, escalou de primeira a seguinte formação: João Ricardo Donschen no gol; John Lennon na lateral direita; André e Thiago Papel na zaga; Vicente na lateral esquerda; Lucas Vinicius, Gil Baiano, Rafael Vila e Gabriel no setor intermediário; Hiago e Diego Neves no ataque.

Em entrevista a assessoria de comunicação da agremiação colorada, o atacante Diego Neves que está de retorno ao clube falou da partida e gols. “A gente escuta o professor, analisa o comportamento do adversário em campo e graças a Deus o começo foi com gols. Temos um longo caminho na Série D, é importante ficar focado e sei que até a estreia a gente vai estar 100% em campo”.

6c89147f-37fe-4de5-9bcb-9751952c76c4

O Sergipe que ancora no chaveamento A9 ao lado do Fluminense de Feira, Murici (AL) e Campinense (PB), realiza ainda nesta semana, no sábado vindouro precisamente, mais uma atividade amistosa. No ‘Grande Encontro Colorado’, que irá acontecer no estádio João Hora de Oliveira, com sorteios de brindes e bandas, a equipe encara outra seleção amadora – a de Pirambu/Japaratuba.

Time do Sergipe

Além da continuação dos campeões, João Ricardo, Jonatas, Carlos Alexandre, Lucas Vinicius, Rafael, Welton Heleno, Hiago, Lulinha, João Victor e Dill; o Sergipe conta com os novatos Zé Carlos, John Lennon, Marcelinho, Vicente, Max, Thiago Papel, André Ribeiro, Gil Baiano, Davi Ceará, Gabriel Cajano, Robert, Thales, Alex Tanque, Marlon e Diego Neves. Pirambu também volta.

Imagens – Felipe Martins/CSS

Categorias:Sem categoria

4º Campeonato de Futsal de Propriá.

Gui@ do Esporte

Raimundo Morais.

Em noite de pura emoção, Chiquinho e Miguel brilham e garantem semifinais ao Real Matadouro e Propriá.

Iniciou nesta quarta-feira, 1º de junho de 2016, as quartas de final do 4º Campeonato de Futsal de Propriá. Dando seqüência as grandes emoções da fase de chaveamento, a nova etapa do certame propriaense começou com placares elásticos, público avassalante e jogadas monumentais. Em fase de crescimento, o Real avançou. Confirmando favoritismo, o Propriá venceu.

13344577_1780856352133411_7706929263378063632_n

O dia 1º de junho sempre é marcado pela abertura oficial dos festejos juninos. No entanto, nesta temporada no estado do forró, foi outro ritmo que empolgou a massa ‘forrozeira’: 4º Campeonato de Futsal de Propriá. Dando seqüência a competição propriaense e abrindo as quartas de final, o Real Matadouro passou pelo até então imbatível Luckmann’s. Propriá do ‘favoritismo’ avançou diante o Fortaleza.

As partidas de características parecidas foram acompanhadas pelo maior número possível de torcedores, precisando os portões do Ginásio da AABB/local serem fechados. Entretanto, com bola rolando não faltou espaço para os craques do espetáculo. Na primeira decisão da noite, o Real que vem em ascensão no certame, contou com a estrela de Chiquinho e superou o quadro familiar, pelo escore de 4 a 1.

Classificado, chegou à hora dos garotos do Matadouro assistir a segunda decisão da noite, e em quadra um velho favorito diante uma grata sensação, Propriá e Fortaleza deliraram ainda mais o público presente. Em uma noite de festa e muita expressão do Avoengo, o time começou marcando, ficou perto de sofrer o empate, mas o brilho de Miguel que assinalou três vezes, ajudou cravar 6 a 2 e o passaporte a terceira fase.

13346879_1780855988800114_1613996096277973921_n

Com os resultados da noite de ritmos e peculiaridades, o Luckmann’s e Fortaleza se despediram do páreo, enquanto, os vencedores Real Matadouro e Esporte Clube Propriá seguem com a chama do sonho pela conquista viva. Classificados as semifinais que acontece na semana vindoura, o Real Matadouro encara o vencedor do confronto Boa Esperança versus Clyclone. Já o Avoengo encara o Galinhus ou CRB.

Com partidas realizadas nas noites das quartas-feiras, quintas-feiras e sextas-feiras, no Ginásio da Associação Atlética Banco do Brasil, a competição propriaense teve nesta quarta edição 16 agremiações na fase inaugural: Cyclone, Vila Nova, Boa Esperança, Os Cobras, Esporte Clube Propriá, Real Matadouro, Atletas de Cristo, Os Galinhos, Cruzeiro, AABB, CRB, Luckmann’s, Fluminense, Estrela Maior, Fortaleza e Oximania Futebol Clube.

As quartas de final do certame como têm sido em todo o 4º Campeonato de Futsal de Propriá que reúne desde sempre, craques, competitividade, emoção, adeptos do esporte, eletricidade e apaixonados pelo mundo da bola, segue com cobertura ampla, dinâmica e imparcial da página que tem marca registrada no jornalismo esportivo, Gui@ do Esporte, o portal oficial do desporto amador e profissional, do interior e da capital de todos os sergipanos.

Categorias:Sem categoria