Arquivo

Archive for agosto \29\UTC 2011

FORÇA JOVEM 2011.

29 de agosto de 2011 Deixe um comentário

Gui@ do Esporte

Raimundo Morais.

Clube aquidabãense encara o Gloriense.

Depois de uma rodada inauguradora e em seguida uma 2º Rodada repleta de gols, polêmicas e lances monumentais, o Campeonato Sergipano Série A- 2 2011 têm seqüência neste meio de semana com grandes jogos, inclusive o Força Jovem entrando em campo diante o Gloriense.

Em mais uma Campeonato Sergipano Série A-2 repleto de gols, lances monumentais e polêmicas envolvendo federação, dirigentes, atletas, jornalistas e agora policiamento, a bola volta a rolar nesta quarta-feira, 31, com o Força Jovem Aquidabã encarando o Gloriense no estádio Manoel Joaquim Porto, o Manecão, o embalado Neópolis enfrentando o disparado Laranjeiras no Velho Chico, em Neópolis, e o fraco Canindé duelando com o Propriá no Andrezão, em Canindé do São Francisco.

Diferentemente, do Gloriense, que venceu fora de casa o Maruinense, por 2 tentos a 1 o Força Jovem Aquidabã vem de derrota para o Laranjeiras por 1 a 0, que folgou no final de semana com o adiamento da partida entre Propriá e Aquidabã por falta de policiamento, encara o clube sertanejo com novidades e com o objetivo de conquistar seus primeiros pontos na competição.

Em três anos de enfrentamentos no Sergipano Série A-2, os aquidabãenses garantem mais derrota do que os sertanejos. No ano de 2008 foram duas partidas, uma vitória para o Gloriense, 3 a 2 no Manecão, e um empate, 0 a 0 no Editon Maia. No ano seguinte, os feitos de 2008 se repetiram, em duas partidas, uma vitória para o Gloriense, 2 a 1 no Manecão, e um empate em 2 a 2 no Editon Maia, em Nossa Senhora da Glória. Em 2010, em dois jogos realizados, duas vitorias da equipe gloriense, 4 a 3 de virada no Manoel Joaquim Porto, e 3 a 2 no Editon Maia.

A Segundona que movimenta as cidades interioranas do estado de Sergipe tem a cobertura completa do Gui@ do Esporte, conceito, imparcialidade e liderança. Confira abaixo todos os resultados da 2º Rodada do Sergipano Série A-2 2011.

2ª RODADA-GRUPOS A/B  
27/08 Amadense 1×1 Boca Júnior
27/08 Propriá x Aquidabã
27/08 Neópolis 2×0 Maruinense
28/08 Boquinhense 0x2 Sete de Junho
28/08 Riachuelo 1×1 Lagarto
28/08 Laranjeiras 3×0 Canindé
Anúncios
Categorias:Sem categoria

YPIRANGA FUTEBOL CLUBE 2011.

29 de agosto de 2011 Deixe um comentário

Gui@ do Esporte

Raimundo Morais.

Clube realiza mais uma reunião.

Em mais uma iniciativa da nova diretoria da Sociedade Desportiva Ypiranga Futebol Clube, dirigentes, associados e desportistas voltaram a se reunir neste sábado, 27, para decidirem o futuro do clube.

Fundado em 01 de janeiro de 1950, o Ypiranga Futebol Clube que nestes últimos anos tem dado o que falar com a polêmica envolvendo a desativação do estádio José Figueiredo pela Prefeitura Municipal de Aquidabã, após o aumento do mandado do presidente Jilvam Campos, o Didi, dirigentes, associados e desportistas aquidabãenses voltam a se reunir nesta noite de sábado, 27, no Colégio Nações Unidas, na cidade de Aquidabã, para decidirem o futuro do bicho papão do agreste, Ypiranga de Aquidabã.

Na pauta da reunião, que voltou a surpreender com o número de pessoas presentes, a aprovação do novo estatuto do clube, a entrega da carteira dos associados, a apresentação do carnê para a contribuição associativa dentre outros assuntos.

Segundo informações obtidas pelo blog Gui@ do Esporte, o inicio da construção do novo estádio do Ypiranga no espaço comprado recentemente pela diretoria, localizado na estrada via ao povoado Lagoinhas, em Aquidabã, deve iniciar neste mês de setembro, após o período chuvoso.

Categorias:Sem categoria

Jogador viciado em traição supera turbulência e vai com ex-mulher para mansão do dono do Chelsea.

29 de agosto de 2011 Deixe um comentário

R7.com

Ashley Cole separou-se de Cheryl há cerca de um ano, mas está reatando aos poucos.

Ashley Cole, lateral-esquerdo do Chelsea e da seleção da Inglaterra, já mostrou que se recuperou das turbulências amorosas que teve com sua ex-mulher, Cheryl, e conseguiu engatar uma viagem para a mansão de seu chefe, o russo Roman Abramovich.

Ashley Cole contrata segurança para se policiar com garotas
Jogador viciado em traição paga mico e canta para ex-mulher

Abramovich, dono do Chelsea, teria oferecido ao casal sua mansão em Saint Barts, no Caribe, porque a viagem inicial deles teria “furado”: Cole e Cheryl iam para a casa de Richard Branson, dono da Virgin, mas o local acabou pegando fogo.

No dia do incêndio na mansão de Branson, a atriz Kate Winslet (conhecida por filmes como Titanic) estava entre os convidados, segundo o tabloide The Sun.

Cheryl e Cole se separaram em setembro de 2010, mas estão reatando devagar. Recentemente, eles até cantaram músicas um para o outro em um karaokê, e o jogador pagou o maior “mico”.

Categorias:Sem categoria

Ricardo Gomes pode ser aconselhado a se afastar do futebol, dizem especialistas.

29 de agosto de 2011 Deixe um comentário

R7.com

Fernando Franco

Neurologistas explicam que alto índice de stress aliado a problemas vasculares é perigoso.

Ricardo Gomes, técnico do Vasco, pode ser aconselhado a deixar os campos de futebol, caso se recupere do AVC (sigla para Acidente Vascular Cerebral) hemorrágico que sofreu durante o clássico entre Flamengo e Vasco, neste domingo (28).

A opinião é a de especialistas em neurologia ouvidos pelo R7, com a ressalva de que ainda é muito cedo para se ter um prognóstico claro da situação do treinador.

Gomes foi operado na noite deste domingo após ter o sangramento cerebral constatado, e no momento está internado no Hospital Pasteur, no Rio de Janeiro, entubado e sedado. Seu estado é considerado gravíssimo.

O médico Alessandro Blassioli, ex-perito do IMESC (Instituto de Medicina Social e de Criminologia) e neurologista do Hospital Sabin em São Paulo, afirma que um quadro de pressão alta, histórico de doença vascular e alto stress é muito perigoso.

– É normal pedirmos o afastamento de situações de stress para pacientes que se recuperam de acidentes vasculares. Isso varia de pessoa para pessoa, mas se o indivíduo tem uma ocupação que tira seu sono, que lhe causa problemas de estômago e que aumenta sua pressão, então ele está somatizando tudo.

Segundo Brassioli, não é aconselhável alto nível de stress para pessoas com problemas vasculares. Esse é exatamente o histórico de Ricardo Gomes, que sofreu no início do ano passado uma vasculite, quando ainda treinava o São Paulo, e ficou duas semanas fora do comando do time.

A vasculite é uma inflamação em um vaso sanguíneo que causa seu estreitamento ou obstrução, limitando ou interrompendo o fluxo. Na época, o sangramento em um dos vasos cerebrais foi apontado como do “tamanho de um grão de arroz”, que causou formigamento na mão e forte dor de cabeça.

De acordo com Blassioli, a chance de o problema anterior de Gomes não ter relação com  o AVC sofrido no domingo é quase nula.

– É muito provável que estejam ligados, pois ele possui um histórico de acidente vascular, mesmo que seja primário, ou pequeno. É natural a reincidência desse tipo de problema.

José Alberto Landeiro, chefe do serviço de neurologia do Hospital Universitário Antônio Pedro em Niterói e membro da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, compartilha da opinião do colega.

– Isso não é uma coincidência. Essa é a evolução de uma doença, que chegou ao ponto de virar um rompimento hemorrágico. A pressão alta aliada com um problema anterior e stress emocional, é altamente perigoso. Em um período de 30 dias após a operação, existe um alto índice de óbito.

Confira também

O treinador do Vasco tomava remédio para controlar a pressão sanguínea, mas o clube carioca não sabe informar qual medicação ou a frequência que Gomes se medicava. Como a hipertensão não tem cura, precisa ser controlada. No caso do técnico, alto índice de stress também deve ser evitado.

A direção vascaína já delcarou que não vai procurar um substituto para seu comandante. Para Landeiro, a recuperação de um quadro tão grave significa também diminuir os atritos emocionais do paciente. O que no caso de Gomes, pode significar o afastamento do futebol.

– A hipertensão é uma doença séria, que afeta todo o organismo. Se você juntar a ela um intenso nervosismo diário, seria recomendado se distanciar desse cotidiano, especialmente após um quadro tão grave. Depende de como a pessoa lida com sua profissão.

Categorias:Sem categoria

Enquadro, Liedson e virada não despertam Timão; o que falta para a equipe engrenar?

29 de agosto de 2011 Deixe um comentário

R7.com

Antídotos do Corinthians contra derrocada não funcionaram; clube procura outra saída.

O Corinthians terminou o primeiro turno do Campeonato Brasileiro na liderança, mas sem motivos para se empolgar na sequência da competição. A derrota para o Palmeiras na última rodada foi mais um capítulo na derrocada corintiana dos últimos jogos.

Enquete: o que falta ao Timão? Vote!

Julio Cesar se defende de críticas

Após fazer o melhor início da história dos pontos corridos no Brasileirão, o Corinthians enfrentou problemas com desfalques, principalmente do atacante Liedson. Após a saída do jogador por algumas partidas, por lesão, o Timão perdeu a invencibilidade e passou a sofrer contra os adversários.

Derrotas e desfalques colocam pressão sobre Tite

Antes da partida contra o Palmeiras, na semana passada, a diretoria corintiana se reuniu com jogadores e comissão técnica para cobrar resultados positivos da equipe no Brasileirão. Participaram da conversa o gerente de futebol, Edu Gaspar, e os diretores Roberto de Andrade e Duilio Monteiro Alves. Até mesmo Adriano, que ainda nem estreou com a camisa alvinegra, teve que ouvir o enquadro.

A “dura” não deu resultado, e a equipe se vê cada vez mais ameaçada na liderança do Brasileirão. O Flamengo já está um ponto atrás do Corinthians, e traz na cola Vasco e São Paulo, com dois pontos a menos que o Timão.

A volta de Liedson, após contusão sofrida em julho, também não resolveu os problemas do Corinthians. Desde o retorno do atacante, na partida contra o Ceará, no dia 14 de agosto, o Timão fez quatro jogos, com uma vitória, duas derrotas e um empate.

A vitória em questão foi contra o Atlético-MG, e acabou servindo como mais um motivo de ilusão aos corintianos. O Alvinegro perdia para o Galo por 2 a 0 e conseguiu a virada, vencendo por 3 a 2. O embalo esperado não veio e, na partida seguinte, o Corinthians acabou derrotado em casa pelo Figueirense.

Mesmo com a ausência de Liedson por quase um mês, o jogador ainda é artilheiro da equipe no Campeonato Brasileiro. O goleiro Julio Cesar, que ficou ausente por lesão no mesmo período, também não conseguiu resolver a situação. Depois do embalo de uma virada histórica e de uma “dura” coletiva, o Corinthians agora procura outra saída para voltar a brilhar na competição.

Categorias:Sem categoria

Anunciantes pagam cada vez mais por audiência, que despenca no futebol brasileiro

29 de agosto de 2011 Deixe um comentário

Domingo Espetacular com R7

Desinteresse crescente de público faz presidente da Fifa criticar país severamente.

Espectadores que acompanham os jogos do futebol brasileiro pela TV estão diminuindo anos após ano. A crise no futebol nacional é tão grande que está gerando uma polêmica no mercado publicitário, com anunciantes pagando cada vez mais dinheiro por cada vez menos audiência.

Segundo dados da própria CBF (Confederação Brasileira de futebol), a média de público nos estádios no Campeonato Brasileiro caiu cerca de 17% entre 2009 e 2010, de 17.807 para 14.800. De acordo com pesquisa do Ibope, a audiência nacional na televisão do Brasileirão caiu 21%, entre 2005 e 2011.

Em 2005, 30 segundos de anúncio durante a rodada do Brasileirão custava em média R$ 142 mil. Seis anos depois, o preço para se veicular uma propaganda de mesmo porte subiu quase 45%, para R$ 236 mil.

Com esse cenário de desinteresse dos torcedores pelos jogos, sobram motivos para o presidente da Fifa, Joseph Blatter, deixar o pudor de lado e não só atacar o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, como dar palpites sobre a qualidade técnica da equipe. Para ele, o técnico Mano Menezes corre o risco de não montar uma equipe competitiva até 2014.

– O Brasil tem um novo técnico, mas já há muitas críticas. Ricardo Teixeira disse que não mudará o plano, mas a verdade é que se não houver resultados terá de pensar. O Brasil não terá mais jogos oficiais, apenas brincadeiras. Não há mais nenhuma pressão de competição até a Copa das Confederações. Então, nunca se sabe em que pé a seleção estará.

Segundo Blatter, Teixeira também errou ao escolher São Paulo para abertura da Copa no Brasil.

– Já demos o Centro de Mídia para o Rio, e a sede da organização da Fifa será no Rio. Portanto, a cidade mais adequada para receber a abertura é mesmo o Rio de Janeiro. O futebol brasileiro é o Rio. E, para o mundo, o Rio é a cidade mais atraente para abrir uma Copa, sem dúvida.

O presidente da Fifa afirmou que as brigas políticas internas no Brasil têm prejudicado a definição dos estádios do Mundial.

– O principal obstáculo para a organização da Copa no Brasil tem sido as brigas políticas entre prefeitos, governadores e governo federal. Isso pode de fato atrapalhar muita coisa. O Brasil sediará uma ótima Copa. Mas tem de resolver essa briga política.

Leia mais notícias sobre a Copa do Mundo 

Confira também

O Fielzão, como ficou conhecido o estádio que o Corinthians está construindo, tem no momento a preferência da CBF para abrir o Mundial. Orçado em cerca de R$ 890 milhões, a arena ganhou de forma polêmica recursos do governo brasileiro, com linha de crédito de R$ 400 milhões com o BNDES e isenção fiscal de R$ 420 milhões da Prefeitura de São Paulo. 

Retomando as críticas ao futebol praticado em território brasileiro, o cartola máximo do esporte afirmou que o país terá mais facilidade em organizar a Copa do Mundo do que em vencê-la. 

 – Não é tão fácil organizar esse evento, nem para o Brasil. Mas, olha, tenho certeza de que o país vai realizar uma ótima Copa. Só não tenho tanta certeza de que terá o melhor time. 

Categorias:Sem categoria

Em prova marcada por varas quebradas, brasileiro é oitavo no Mundial.

29 de agosto de 2011 Deixe um comentário

R7.com

Dois atletas se machucaram durante disputa; polonês fica com o ouro.

Com o aumento da tecnologia na fabricação das varas, o número de acidentes durante as provas de salto com vara sofreu grande redução nos últimos anos. A final do Mundial de Daegu, porém, foi uma exceção: nesta segunda-feira (29), nada menos que dois competidores tiveram suas varas quebradas ao tentar um salto.

O primeiro azarado foi Jan Kudlicka, da República Tcheca, que tentava ultrapassar a marca de 5,75 m. Parte da vara acertou as costas do atleta com força, deixando uma grande marca. Pouco depois, problema similar aconteceu com o russo Dmitry Starodubtsev na mesma altura. O atleta machucou a mão e desistiu da prova.

Com 5,65 m como a melhor marca, Kudlicka terminou a disputa em nono lugar, enquanto o russo terminou em 12º lugar. O título foi para o polonês Pawel Wojciechowski, que atingiu 5,90 m. O cubano Lázaro Borges conseguiu o mesmo, mas, como precisou de mais tentativas, ficou com a prata. O bronze é do francês Renaud Lavillenie (5,85 m).

Brasil

Discreto, o brasileiro Fábio Gomes da Silva também participou da final do salto com vara e terminou em oitavo lugar, com 5,65 m.

Trata-se da melhor colocação dele em Mundiais, mas ainda assim Fábio não ficou satisfeito.

– A meta era chegar aos 5,80 m (recorde sul-americano, feito em fevereiro pelo próprio Fábio). Dei tudo de mim, mas não consegui. Mas todas as competições trazem um aprendizado, que vai servir para o futuro.

Parceira de Fábio na delegação brasileira e no clube BM&F Bovespa, Fabiana Murer faz a final do salto com vara feminino nesta terça-feira (30), a partir das 7h05 (de Brasília). Ambos treinam com o mesmo técnico, Elson Miranda.

– A prova não será fácil, mas a Fabiana está bem preparada e pode ir ao pódio, sim. Até agora, tudo está saindo conforme o planejado.

Primeira colocada na fase de classificação junto com a russa Yelena Isinbayeva, a polonesa Anna Rogowska e a alemã Martina Strutz (4,55 m na primeira tentativa), Fabiana espera uma final bastante equilibrada.

– Basta ver a classificação, com quatro atletas empatadas em primeiro lugar. Vou buscar um bom salto na final. Acho que 4,80 m vai dar medalha e vou tentar saltar mais que isso. 

Categorias:Sem categoria